R$15,5 bilhões foi quanto o Brasil já empregou nas novas tecnologias para a agricultura. A informação foi repassada por Elvison Ramos, coordenador nacional do Plano ABC (Baixa Emissão de Carbono) durante audiência pública na Comissão Mista Permanente Sobre Mudanças Climáticas, do Senado Federal.

Segundo o representante governamental, o objetivo dos investimentos é o de reduzir os efeitos negativos das mudanças no clima, além de buscar o favorecimento da chamada agricultura de baixo carbono.

“O plano prevê a recuperação de pastagem degradada, adoção de sistema de plantio direto, fixação biológica de nitrogênio e tratamento de dejetos de animais, entre outras metas”, de acordo com o representante do Ministério da Agricultura.

 

Deixe um comentário

avatar
Fechar Menu