O agricultor brasileiro é um inovador. Aprendeu que a incorporação constante de tecnologias ao seu negócio é uma questão de sobrevivência. Em um ambiente altamente competitivo, a empresa rural sabe que somente inovando terá sucesso em remunerar seu capital imobilizado e condições de manter custos baixos e boa rentabilidade.

Mesmo com tantos avanços, ainda há muito espaço para evoluir. A adoção de tecnologias e a cultura da inovação não estão distribuídas uniformemente entre os produtores. Trazer essa discussão à tona e criar um canal de debate e troca de experiências constituem importantes estratégias para uma agropecuária cada vez mais inovadora, competitiva e sustentável.

 

 

Fechar Menu